Carreiras políticas de sucesso: o apoio ao Golpe Civil-Militar de 1964 e o recrutamento da elite política gaúcha

Autores

  • Guilherme Catto Programa de Pós-Graduação em História da Universidade Federal de Santa Maria

Palavras-chave:

Golpe Civil-Militar de 1964, Assembleia Legislativa, Carreiras políticas

Resumo

O presente trabalho consiste na elaboração de um perfil dos parlamentares eleitos para a Assembleia Legislativa do Rio Grande do Sul nas eleições de 1962 e que estavam no exercício de seus mandatos durante o Golpe Civil-Militar de 1964. A partir da análise das posições tomadas pelos deputados, dividimo-los em dois grupos: os opositores do Golpe e os apoiadores do Golpe. Dessa forma, o referido perfil serve a dois propósitos: (1) à caracterização da elite política regional, através da análise de características das trajetórias dos membros do parlamento local, mas também (2) à caracterização dos dois grupos que se estabeleceram após o Golpe de 1964. Essa caracterização demonstrará semelhanças e diferenças entre ambos, contribuindo para que não se entenda o apoio civil ao Golpe como apoio “da sociedade”. A metodologia utilizada para a elaboração dos perfis parlamentares será a prosopografia.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Guilherme Catto, Programa de Pós-Graduação em História da Universidade Federal de Santa Maria

Possui graduação em História pela Universidade Federal de Santa Maria e atualmente está finalizando o Mestrado em História pela mesma universidade.

Downloads

Publicado

2018-03-01

Como Citar

CATTO, G. Carreiras políticas de sucesso: o apoio ao Golpe Civil-Militar de 1964 e o recrutamento da elite política gaúcha. Revista Aedos, [S. l.], v. 9, n. 21, p. 155–175, 2018. Disponível em: https://www.seer.ufrgs.br/index.php/aedos/article/view/76397. Acesso em: 4 out. 2022.