Luta de classes no campo: a trajetória de Nestor Vera no movimento camponês

Autores

  • Diego Becker Universidade Federal de São Paulo

Palavras-chave:

Campesinato, Comunistas, Organização,

Resumo

O presente trabalho consiste em apresentar a participação e contribuição dos comunistas para a organização do movimento camponês brasileiro. Para isso iremos utilizar a trajetória política do comunista camponês Nestor Vera (1915-1975), oriundo do campesinato que participou ativamente na construção de Ligas Camponesas e sindicatos rurais por todo o interior paulista. Compreendendo a participação de Nestor Vera no movimento camponês poderemos realizar uma contribuição para analisar o desenvolvimento da atuação política dessa classe social brasileira, desde a fundação das primeiras formas de organização com as Ligas camponesas até mesmo as entidades de âmbito nacional como ULTAB (União de Lavradores e Trabalhadores agrícolas do Brasil) e a CONTAG (Confederação Nacional dos Trabalhadores na Agricultura).

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Diego Becker, Universidade Federal de São Paulo

Graduado em História pela UNIFESP/EFLCH. Atualmente mestrando do Programa de Pós-graduação do Departamento de História da UNIFESP.

Downloads

Publicado

2015-12-27

Como Citar

BECKER, D. Luta de classes no campo: a trajetória de Nestor Vera no movimento camponês. Revista Aedos, [S. l.], v. 7, n. 17, p. 59–82, 2015. Disponível em: https://www.seer.ufrgs.br/index.php/aedos/article/view/58453. Acesso em: 29 nov. 2022.

Edição

Seção

Dossiê Temático