A atuação do Tribunal do Santo Ofício na Capitania de Mato Grosso (segunda metade do século XVIII)

Autores

  • Giuslane Francisca da Silva Universidade Federal de Mato Grosso
  • Magna Tatiane Nunes Bolonha Universidade do Estado de Mato Grosso

Palavras-chave:

Santo Ofício. Visitações. Capitania de Mato Grosso

Resumo

Reativado com o Concílio de Trento (1545-1563) o Tribunal do Santo Ofício passou a frequentar as terras brasileiras no final do século XVI atuando até o século XVIII. Neste sentido, apresentamos neste trabalho como o Tribunal do Santo Ofício agia na busca pela preservação da ortodoxia do catolicismo religioso, criando novos mecanismos como as visitações que pudessem averiguar e apurar os casos de judaizantes, blasfêmias, desvios sexuais e morais e as práticas mágico-religiosas na Capitania de Mato Grosso na segunda metade do século XVIII.

 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Giuslane Francisca da Silva, Universidade Federal de Mato Grosso

Graduada em História pela Unemat. Atualmente é mestranda em História pela Universidade Federal de Mato Grosso.

Magna Tatiane Nunes Bolonha, Universidade do Estado de Mato Grosso

Graduada em História pela Unversidade do Estado de Mato Grosso

Downloads

Publicado

2015-07-20

Como Citar

DA SILVA, G. F.; BOLONHA, M. T. N. A atuação do Tribunal do Santo Ofício na Capitania de Mato Grosso (segunda metade do século XVIII). Revista Aedos, [S. l.], v. 7, n. 16, p. 404–422, 2015. Disponível em: https://www.seer.ufrgs.br/index.php/aedos/article/view/54022. Acesso em: 29 nov. 2022.