[1]
C. C. Martins, “O fluoreto tem efeito neurotóxico? A importância da análise crítica da informação”, R. Fac. Odontol. Porto Alegre, vol. 61, nº 1, p. 1–3, ago. 2020.