[1]
N. Fernandes, “Identidade e memória em Andamios de Mario Benedetti”, NL, vol. 1, nº 1, jun. 2005.