Sinestesia e consubstancialidade entre o poema “IV (Discurso do Capibaribe)”, de João Cabral de Melo Neto e o estudo de Jean- Luc Nancy, sobre o peso de um pensamento.

Autores

  • Beatriz Alves de Abreu Mancuso Brotto Universidade Federal de Santa Catarina- UFSC/ Bolsista do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.

DOI:

https://doi.org/10.22456/1981-4526.63042

Palavras-chave:

Sinestesia, substancialidade, poesia, pensamento.

Resumo

O artigo submete a analise do poema “IV (Discurso do Capibaribe)”, de João Cabral de Melo Neto, ao ponto de vista sinestésico, imbuído de sensação capaz de alumiar a ideia de substancialidade. Ao reiterar o termo “espesso” em seus versos, Cabral de Melo aproxima-se do que diz Jean- Luc Nancy sobre ser o toque o sentido do próprio significado; para o filósofo, o senso é toque, e o toque torna-se significado; funde peso e pensamento, ora os relacionando, ora exercendo tensão um sobre o outro. A densidade será refletida como a capaz de erguer um corpo à condição humana e a de natureza, portanto, é capaz de trazer forma ao pensamento e à sensibilidade. Assim, o operante responsável pelos cinco sentidos será a consistência do tato na linguagem poética do “IV (Discurso do Capibaribe)”.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Beatriz Alves de Abreu Mancuso Brotto, Universidade Federal de Santa Catarina- UFSC/ Bolsista do Conselho Nacional de Desenvolvimento Científico e Tecnológico, CNPq, Brasil.

Graduada em Relações Internacionais pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho- Unesp. Mestranda em Literatura- Linha de Pesquisa Poesia e Aisthesis- pela Universidade Federal de Santa Catarina- UFSC. Bolsista CNPq. Membro do Núcleo de Estudos Literários e Culturais- NELIC. UFSC Produções: Artigos completos publicados em periódico: BROTTO, B.. Noite e linguagem na criação artística e literária. Literartes- USP v. 4, p. LiterArtes-164-178, 2015. Artigos aceitos para publicação: 1.BROTTO, B.. O tempo pela linguagem no ser. Cadernos de Literatura e Diversidade (UEFS), 2016. 2.BROTTO, B.. Reflexões acerca do poema 'Habitar o Tempo' de João Cabral de Melo Neto. Simbiótica. Revista Eletrônica, 2016. Apresentações de Trabalho 1.BROTTO, B.. Via andante- X Semana Filologia Universidade de São Paulo- USP. 2015. (Apresentação de Trabalho/Comunicação). 2.BROTTO, B.. Staccato. 2015. (Apresentação de Trabalho/Comunicação). 3.BROTTO, B.. O pertencer na contemporaneidade: diálogo artístico e cultural. 2013. (Apresentação de Trabalho/Congresso).

Downloads

Publicado

2018-07-10

Como Citar

Brotto, B. A. de A. M. (2018). Sinestesia e consubstancialidade entre o poema “IV (Discurso do Capibaribe)”, de João Cabral de Melo Neto e o estudo de Jean- Luc Nancy, sobre o peso de um pensamento. Nau Literária, 14(1). https://doi.org/10.22456/1981-4526.63042

Edição

Seção

Seção Livre