MULTIPLICANDO AS CIÊNCIAS: UM ESTUDO ETNOGRÁFICO SOBRE FAZERES CIENTÍFICOS DA EDUCAÇÃO FÍSICA

Autores

DOI:

https://doi.org/10.22456/1982-8918.82693

Palavras-chave:

Educação Física. Ciência. Antropologia Cultural. Conhecimento.

Resumo

Desde os anos 2000 ocorreram ampliações e intensificações da comunidade de pesquisadores(as) e dos aparatos científicos comprometidos com a Educação Física (EF). Esse processo aconteceu/acontece em meio a diversos tensionamentos que passaram a ser problematizados em estudos e debates. Instigados por esses fatos e problematizações, o objetivo desta pesquisa é compreender de que modo se faz ciência na EF brasileira. Para isso realizamos um estudo etnográfico em dois grupos de pesquisa da EF, em que seguimos humanos e não humanos, associações e controvérsias. Ao acompanhar o dia a dia desses grupos chegamos à conclusão de que há múltiplas ciências da EF. Diante dessa constatação, o principal encaminhamento e provocação desta pesquisa é que ao indagar sobre a ciência da EF (note-se, no singular) passa a ser indispensável indagar sobre os tipos de relações que foram e estão sendo estabelecidas  Educação Física. Ciência. Antropologia Cultural. Conhecimento.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Raquel da Silveira, Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Porto Alegre, RS

Professora na ESEFID/UFRGS e docente no Programa de Pós Graduação em Ciências do Movimento Humano/UFRGS.

Marco Paulo Stigger, Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Porto Alegre, RS

Professor Titular na ESEFID/UFRGS e docente no Programa de Pós Graduação em Ciências do Movimento Humano/UFRGS.

Mauro Myskiw, Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS). Porto Alegre, RS

Professor na ESEFID/UFRGS e docente no Programa de Pós Graduação em Ciências do Movimento Humano/UFRGS.

Downloads

Publicado

2019-04-23

Como Citar

SILVEIRA, R. da; STIGGER, M. P.; MYSKIW, M. MULTIPLICANDO AS CIÊNCIAS: UM ESTUDO ETNOGRÁFICO SOBRE FAZERES CIENTÍFICOS DA EDUCAÇÃO FÍSICA. Movimento, [S. l.], v. 25, p. e25019, 2019. DOI: 10.22456/1982-8918.82693. Disponível em: https://www.seer.ufrgs.br/index.php/Movimento/article/view/82693. Acesso em: 2 out. 2022.

Edição

Seção

Artigos Originais