EDUCAÇÃO FÍSICA E ATENÇÃO PRIMÁRIA À SAÚDE: APROPRIAÇÕES ACERCA DO APOIO MATRICIAL

Autores

  • Braulio Nogueira de Oliveira Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Porto Alegre, RS, Brasil. http://orcid.org/0000-0002-3457-2854
  • Felipe Wachs Universidade Federal de Goiás. Goiânia, GO, Brasil.

DOI:

https://doi.org/10.22456/1982-8918.69965

Palavras-chave:

Sistema Único de Saúde. Atenção Primária à Saúde. Estratégia Saúde da Família. Educação Física e Treinamento.

Resumo

A atenção primária à saúde se fortaleceu nas últimas duas décadas no Brasil. Recentemente, os Núcleos de Apoio à Saúde da Família permitiram que o leque de profissões transitando pela atenção primária aumentasse. Recomenda-se que essa inserção e trânsito estejam orientados pela lógica do Apoio Matricial. Este artigo analisa a apropriação dos profissionais de Educação Física acerca do Apoio Matricial. Trata-se de um estudo qualitativo, em que utilizamos grupo focal e observação participante com 11 profissionais de Educação Física da cidade de Sobral/CE. Os resultados sugerem seu entendimento como movimento de troca, de caráter técnico-pedagógico; o apoiador como corresponsável, em uma dimensão de Cogestão do Cuidado; bem como o apoio como uma tecnologia não engessada, mas como postura profissional. Conclui-se que os participantes da pesquisa compreendem o Apoio Matricial como um arranjo de corresponsabilidade entre especialistas e equipes de referência, que permite potencializar o cuidado usuário centrado.

 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Braulio Nogueira de Oliveira, Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Porto Alegre, RS, Brasil.

Graduado em Educação Física (UECE)
Especialista em Saúde do Idoso (UECE)
Especialista em caráter de Residência Multiprofissional em Saúde da Família (EFSFVS/UVA)
Mestre em Saúde Coletiva (PPSAC/UECE)
Doutorado em andamento pelo Programa de Pós-Graduação em Ciências do Movimento Humano - PPGCMGH/UFRGS

Felipe Wachs, Universidade Federal de Goiás. Goiânia, GO, Brasil.

Licenciado em Educação Física (2003) pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul, Especialista em Pedagogias do Corpo e da Saúde (2004) pela mesma instituição, Residência em Saúde com ênfase em Saúde Mental Coletiva (2006) pela Escola de Saúde Pública do Rio Grande do Sul, Mestre (2008) e Doutor (2013) em Ciências do Movimento Humano pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul. Atualmente é docente da Universidade Federal de Goiás, secretário estadual de Goiás do Colégio Brasileiro de Ciências do Esporte e membro do comitê científico do GTT atividade física e saúde do Colégio Brasileiro de Ciências do Esporte.

Downloads

Publicado

2018-03-29

Como Citar

OLIVEIRA, B. N. de; WACHS, F. EDUCAÇÃO FÍSICA E ATENÇÃO PRIMÁRIA À SAÚDE: APROPRIAÇÕES ACERCA DO APOIO MATRICIAL. Movimento, [S. l.], v. 24, n. 1, p. 173–186, 2018. DOI: 10.22456/1982-8918.69965. Disponível em: https://www.seer.ufrgs.br/index.php/Movimento/article/view/69965. Acesso em: 10 ago. 2022.

Edição

Seção

Artigos Originais