OS JOGOS ESCOLARES COMO MECANISMOS DE MANUTENÇÃO E ELIMINAÇÃO: UMA CRÍTICA À LÓGICA ESPORTIVA NA ESCOLA

Autores

  • Giovanni Frizzo Universidade Federal de Pelotas

DOI:

https://doi.org/10.22456/1982-8918.38628

Palavras-chave:

Educação Física, Escola, Jogos Escolares

Resumo

Este artigo tem por objetivo analisar os mecanismos de manutenção e eliminação presentes nos Jogos Escolares, especialmente nas séries finais do ensino fundamental da Educação Básica, evidenciando a lógica esportiva na escola integrada ao projeto formativo escolar da atualidade. Através de uma pesquisa de caráter qualitativo na rede municipal de ensino de Nova Santa Rita, analisamos os Jogos Escolares que compõem o calendário escolar desta rede de ensino, identificando a lógica esportiva integrada ao projeto formativo na escola.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Giovanni Frizzo, Universidade Federal de Pelotas

Professor Adjunto da Escola Superior de Educação Física da Universidade Federal de Pelotas

Downloads

Publicado

2013-08-08

Como Citar

FRIZZO, G. OS JOGOS ESCOLARES COMO MECANISMOS DE MANUTENÇÃO E ELIMINAÇÃO: UMA CRÍTICA À LÓGICA ESPORTIVA NA ESCOLA. Movimento, [S. l.], v. 19, n. 4, p. 163–180, 2013. DOI: 10.22456/1982-8918.38628. Disponível em: https://www.seer.ufrgs.br/index.php/Movimento/article/view/38628. Acesso em: 7 dez. 2022.

Edição

Seção

Artigos Originais