INTERVENÇÃO PROFISSIONAL NA EDUCAÇÃO FÍSICA ESCOLAR: CONSIDERAÇÕES SOBRE O TRABALHO DOCENTE

Autores

  • Jorge Both
  • Juarez Vieira do Nascimento

DOI:

https://doi.org/10.22456/1982-8918.3046

Palavras-chave:

Docentes. Educação Física. Condições de Trabalho. Doença. Satisfação no Emprego.

Resumo

O presente ensaio aborda os principais problemas enfrentados no trabalho docente, mais especificamente dos professores de Educação Física da Educação Básica. O ambiente de trabalho nesta área tem favorecido o surgimento de doenças laborais, tais como síndrome de esgotamento profissional, estresse, dependências químicas, doenças no aparelho fonador, entre outras. A necessidade de realização de novas investigações que abordem a qualidade de vida no trabalho e o estilo de vida dos docentes é apontada. Além disso, alerta-se para necessidade dos problemas detectados serem considerados pelos gestores e comunidade escolar para favorecer a melhoria do ambiente da profissão docente.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Jorge Both

Mestre em Educação Física pela Universidade Federal de Santa Catarina

Juarez Vieira do Nascimento

Professor do Programa de Pós-Graduação em Educação Física da Universidade Federal de Santa Catarina

Publicado

2009-02-16

Como Citar

BOTH, J.; NASCIMENTO, J. V. do. INTERVENÇÃO PROFISSIONAL NA EDUCAÇÃO FÍSICA ESCOLAR: CONSIDERAÇÕES SOBRE O TRABALHO DOCENTE. Movimento, [S. l.], v. 15, n. 2, p. 169–186, 2009. DOI: 10.22456/1982-8918.3046. Disponível em: https://www.seer.ufrgs.br/index.php/Movimento/article/view/3046. Acesso em: 17 ago. 2022.

Edição

Seção

Ensaios