O LUGAR DA EXPERIÊNCIA NO ÂMBITO DA EDUCAÇÃO FÍSICA

Autores

  • Luciano de Almeida Unijuí
  • Paulo Evaldo Fensterseifer Unicamp

DOI:

https://doi.org/10.22456/1982-8918.20918

Palavras-chave:

Experiência, Educação Física, Hermenêutica.

Resumo

o presente artigo traz para a discussão o lugar da experiência e do saber da experiência como possibilidade de conhecer no âmbito das práticas corporais na Educação Física. Para isso, recorre à hermenêutica filosófica de Hans-Georg Gadamer para compreender o movimento da Educação Física em legitimar-se em distintos espaços sociais, situando-a no tempo, contextualizando sua tradição e os desdobramentos desta para a produção do conhecimento. Compreender a experiência pode nos possibilitar as chaves para a compreensão do fenômeno complexo do movimento humano, já que esta não pode ser entendida como manipulação e controle, mas sim como participação e abertura.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Luciano de Almeida, Unijuí

Mestre em Educação nas Ciências (Unijuí); Professor de Educação Física do Instituto Federal de Educação, Ciência e Tecnologia Farroupilha - Campus Santo Augusto/RS

Paulo Evaldo Fensterseifer, Unicamp

Doutor em Filosofia da Educação (Unicamp); Professor do Departamento de Pedagogia Unijuí/RS.

Downloads

Publicado

2011-11-19

Como Citar

ALMEIDA, L. de; FENSTERSEIFER, P. E. O LUGAR DA EXPERIÊNCIA NO ÂMBITO DA EDUCAÇÃO FÍSICA. Movimento, [S. l.], v. 17, n. 4, p. 247–263, 2011. DOI: 10.22456/1982-8918.20918. Disponível em: https://www.seer.ufrgs.br/index.php/Movimento/article/view/20918. Acesso em: 28 nov. 2022.

Edição

Seção

Ensaios