Conhecimento e Aplicação de Métodos de Ensino para os Jogos Esportivos Coletivos na Formação Profissional em Educação Física

Autores

  • Nilton Ferreira Coutinho Universidade São Judas Tadeu
  • Sheila Aparecida Pereira dos Santos Silva Universidade São Judas Tadeu

DOI:

https://doi.org/10.22456/1982-8918.2086

Palavras-chave:

Ensino, métodos. Formação profissional. Educação Física

Resumo

Este estudo buscou um entendimento da realidade pedagógica dos professores que ministram disciplinas esportivas coletivas nos cursos de Educação Física. Para isso, realizamos uma pesquisa fenomenológica, cujos objetivos foram: verificar o nível de conhecimento e identificar os motivos da adoção ou não adoção de métodos de ensino para os Jogos esportivos coletivos em cursos de licenciatura. Foram entrevistados 17 professores que atuam com estas disciplinas em 9 universidades privadas, sendo 8 da cidade de São Paulo e municípios da Grande São Paulo e 1 da Baixada Santista. Como resultado, podemos apontar que a Metodologia Tradicional Tecnicista ainda é a mais utilizada devido a ter feito parte da formação profissional dos professores, no entanto nota-se a emergência da utilização de outros métodos como Situacional; Crítico-Superador; Série de Jogos, Esportivos Modificados, Modelo pendular (Claude Bayer) e Crítico-Emancipatório ainda pouco conhecidos pelos professores das instituições pesquisadas.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Nilton Ferreira Coutinho, Universidade São Judas Tadeu

Depto de Educação Física, área intervenções pedagógicas

Sheila Aparecida Pereira dos Santos Silva, Universidade São Judas Tadeu

Mestrado em educação física da Universidade São Judas Tadeu.

Publicado

2008-11-16

Como Citar

COUTINHO, N. F.; SILVA, S. A. P. dos S. Conhecimento e Aplicação de Métodos de Ensino para os Jogos Esportivos Coletivos na Formação Profissional em Educação Física. Movimento, [S. l.], v. 15, n. 1, p. 117–144, 2008. DOI: 10.22456/1982-8918.2086. Disponível em: https://www.seer.ufrgs.br/index.php/Movimento/article/view/2086. Acesso em: 25 jun. 2022.

Edição

Seção

Artigos Originais