TESES DE DOUTORADO EM GESTÃO DO ESPORTE NO BRASIL: UMA REVISÃO INTEGRATIVA METODOLÓGICA

Autores

DOI:

https://doi.org/10.22456/1982-8918.103915

Palavras-chave:

Gestão. Esportes. Teses Eletrônicas. Indicadores de Produção Científica.

Resumo

 O presente estudo teve como objetivo analisar temáticas e métodos de pesquisa na produção de teses de doutorado em Gestão do Esporte em programas de pós-graduação de IES brasileiras. A pesquisa, de caráter exploratório, descritivo e abordagem mista, foi realizada através de revisão integrativa do tipo metodológica, considerando-se teses defendidas até 2019. Foram identificadas 94 teses, a partir de 1997, com distribuição geográfica desigual no país, majoritariamente produzidas em universidades públicas, em programas de Educação Física e Administração. As teses apresentam diversidade de temáticas, com predomínio de políticas públicas e lacunas quanto a outros temas de pesquisa. Revelaram-se aspectos críticos quanto à estrutura metodológica, com falta de informações quanto à abordagem e aos métodos de pesquisa e de análise. Conclui-se que o panorama da produção acadêmica sobre a área revela defasagens coerentes com as do desenvolvimento científico da área no país.

 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2021-02-05

Como Citar

MORAES, I. F.; AMARAL, C. M. dos S.; BASTOS, F. da C. TESES DE DOUTORADO EM GESTÃO DO ESPORTE NO BRASIL: UMA REVISÃO INTEGRATIVA METODOLÓGICA. Movimento, [S. l.], v. 27, p. e27012, 2021. DOI: 10.22456/1982-8918.103915. Disponível em: https://www.seer.ufrgs.br/index.php/Movimento/article/view/103915. Acesso em: 17 ago. 2022.

Edição

Seção

Artigos Originais