Reflexões sobre o ensino híbrido como uma inovação disruptiva para a educação

Autores

DOI:

https://doi.org/10.22456/1982-1654.76414

Palavras-chave:

Educação, Informática, Ensino híbrido, Modelos de ensino-aprendizagem

Resumo

A obra aqui analisada, originalmente publicada sob o título “Blended: Using disruptive innovation to improve schools”, apresenta um largo estudo e levantamento de dados de instituições educacionais que vem utilizando o ensino híbrido para aprimorar a educação. O livro traz problematizações e possibilidades através de modelos pedagógicos que utilizam o ensino híbrido. A obra original é dividida em quatro partes: 1) entendimento; 2) mobilização; 3) planejamento; e 4) implementação. Ainda, diversos materiais de apoio, como vídeos, tabelas, esquemas e resumos auxiliam na compreensão da teoria e da prática por trás das inovações na educação. O presente texto, buscou desenvolver uma resenha crítica do livro em questão.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Débora Schuck Knauth, Universidade FEEVALE

Mestra em Biologia, graduada em Ciências Biológicas licenciatura pela UNISINOS. Participante de aperfeiçoamento científico no grupo de pesquisa Informática na Educação na Universidade FEEVALE.

Referências

Horn, M. B.; Staker, H. Blended: Usando a inovação disruptiva para aprimorar a educação. [tradução: Maria Cristina Gularte Monteiro] – Porto Alegre: Penso, 2015. p. 292. ISBN 978-85-8429-044-4

Downloads

Publicado

2018-10-26

Como Citar

KNAUTH, D. S. Reflexões sobre o ensino híbrido como uma inovação disruptiva para a educação. Informática na educação: teoria & prática, Porto Alegre, v. 21, n. 2 Mai/Ago, 2018. DOI: 10.22456/1982-1654.76414. Disponível em: https://www.seer.ufrgs.br/index.php/InfEducTeoriaPratica/article/view/76414. Acesso em: 19 ago. 2022.