REFLEXÕES A PARTIR DE REGISTROS DE PERCEPÇÕES DOS MBYA GUARANI SOBRE INTERCULTURALIDADE EM AÇÕES SOCIOAMBIENTAIS

Autores

  • Beatriz Osorio Stumpf Instituto de Estudos Culturais e Ambientais (IECAM)
  • Denise Rosana Wolf Instituto de Estudos Culturais e Ambientais (IECAM)
  • Paulo Roberto Marques Fernandes Instituto de Estudos Culturais e Ambientais (IECAM)
  • Virginia Koch Instituto de Estudos Culturais e Ambientais (IECAM)

DOI:

https://doi.org/10.22456/1982-6524.72498

Palavras-chave:

Interculturalidade, Ação Socioambiental, Interaprendizagem, Educação Indígena.

Resumo

O artigo apresenta reflexões sobre interculturalidade em ações socioambientais com comunidades indígenas, a partir do registro de percepções mbya guarani sobre este tema. A investigação mostra a importância de culturas diversas estarem construindo ações em conjunto para atender às demandas das aldeias, se complementando, trocando ideias e experiências e enfrentando as dificuldades que fazem parte destes processos. O efeito é de complementaridade de saberes, com aprendizagens e transformações mútuas, mantendo o respeito à diversidade cultural. A sabedoria mbya guarani constitui um conjunto de saberes, valores e práticas que pode contribuir para transformações necessárias à nossa sociedade. Alguns conhecimentos e técnicas ecológicas ocidentais podem colaborar para resolver questões ambientais em suas áreas, sendo integrados aos seus modos de vida, respeitando seus tempos, ritmos, necessidades e interesses, junto a estímulos para a revitalização de atividades tradicionais. Para que isto ocorra, é necessário um contínuo exercício de valorização simétrica de conhecimentos, com a devida atenção para padrões hierárquicos fixados em nossa sociedade.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Beatriz Osorio Stumpf, Instituto de Estudos Culturais e Ambientais (IECAM)

Mestra em Educação pela Universidade Federal do Rio Grande do Sul (UFRGS), Pedagoga pela Universidade Luterana do Brasil (ULBRA), Consultora do Instituto de Estudos Culturais e Ambientais (IECAM).

Denise Rosana Wolf, Instituto de Estudos Culturais e Ambientais (IECAM)

Especialista em Gestão Ambiental pela Fundação Getúlio Vargas (FGV), Bióloga, Bacharel em Ecologia pela ULBRA, Presidente do IECAM.

Paulo Roberto Marques Fernandes, Instituto de Estudos Culturais e Ambientais (IECAM)

Graduado pelo Curso Superior em Desenvolvimento Rural (PLAGEDER) da UFRGS, Consultor do IECAM.

Virginia Koch, Instituto de Estudos Culturais e Ambientais (IECAM)

Mestra em Agronomia pela UFRGS, com Especialização em Ecologia Humana pela UNISINOS, Bióloga graduada pela UNISINOS, Consultora do IECAM.

Downloads

Publicado

2017-06-30

Como Citar

STUMPF, B. O.; WOLF, D. R.; FERNANDES, P. R. M.; KOCH, V. REFLEXÕES A PARTIR DE REGISTROS DE PERCEPÇÕES DOS MBYA GUARANI SOBRE INTERCULTURALIDADE EM AÇÕES SOCIOAMBIENTAIS. Espaço Ameríndio, Porto Alegre, v. 11, n. 1, p. 130, 2017. DOI: 10.22456/1982-6524.72498. Disponível em: https://www.seer.ufrgs.br/index.php/EspacoAmerindio/article/view/72498. Acesso em: 31 jan. 2023.

Edição

Seção

ARTIGOS