A CASA DE MEMÓRIA DE LEÔNCIO ARARA E OS ARARA DA VOLTA GRANDE DO XINGU

Autores

  • Adalton Ferreira do Nascimento Arara Liderança da aldeia Terrã Wangã, Terra Indígena Arara da Volta Grande do XIngu
  • Eduardo Cezar Cândido Xavier Ferreira Programa de Pós-Graduação em Sociologia e Antropologia (PPGSA), Instituto de Filosofia e Ciências Sociais, da Universidade Federal do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, Brasil.
  • Regina Polo Müller Doutora em Ciências Humanas/Antropologia (FFLCH/USP) e Professora associada aposentada do Instituto de Artes da Universidade Estadual de Campinas.
  • Renata Utsunomiya Doutoranda em Ciência Ambiental, Instituto de Energia e Ambiente, Universidade de São Paulo (PROCAM-IEE-USP)

DOI:

https://doi.org/10.22456/1982-6524.100737

Palavras-chave:

Arara da Volta Grande do Xingu, Museu Indígena, Patrimônio Cultural,

Resumo

O texto conta o processo de concepção da Casa de Memória Leôncio Arara, aldeia Terrã Wangã, Terra Indígena Arara da Volta Grande do Xingu, desenvolvida no âmbito de projeto de mitigação de impactos da hidrelétrica de Belo Monte. Verdadeiro historiador, intelectual, curador e guia espiritual, sua liderança foi fundamental na “certificação” da identidade indígena, insistindo-se aqui em usar o termo por ele próprio cunhado. A memória de seus ensinamentos e ações foi o objetivo inicial de constituição da Casa de Memória, conforme a comunidade que, tendo à frente a atual liderança jovem, Adalton Arara, foi concebendo a ideia de um museu indígena, no âmbito de atividades de formação em patrimônio cultural. Visitas a museus indígenas de outros povos e curso ministrado por professores indígenas motivaram os Arara a conceber seu próprio museu. E a escolha foi tornar a casa tradicional Arara onde viveu Leôncio Arara, em um espaço expositivo, agenciando autorrepresentação e refletindo a concepção indígena de patrimônio cultural.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Adalton Ferreira do Nascimento Arara, Liderança da aldeia Terrã Wangã, Terra Indígena Arara da Volta Grande do XIngu

Liderança do povo Arara da Volta Grande do Xingu, Presidente da Associação de Resistência Indígena Arara do Maia (ARIAM), Técnico operacional do Plano de Proteção Territorial do Médio Xingu (PPTMX) e formado no magistério indígena pela SEDUC-PA

Eduardo Cezar Cândido Xavier Ferreira, Programa de Pós-Graduação em Sociologia e Antropologia (PPGSA), Instituto de Filosofia e Ciências Sociais, da Universidade Federal do Rio de Janeiro, Rio de Janeiro, Brasil.

Doutorando em Antropologia Cultural

Downloads

Publicado

2020-09-11

Como Citar

ARARA, A. F. do N.; XAVIER FERREIRA, E. C. C.; MÜLLER, R. P.; UTSUNOMIYA, R. A CASA DE MEMÓRIA DE LEÔNCIO ARARA E OS ARARA DA VOLTA GRANDE DO XINGU. Espaço Ameríndio, Porto Alegre, v. 14, n. 1, p. 157, 2020. DOI: 10.22456/1982-6524.100737. Disponível em: https://www.seer.ufrgs.br/index.php/EspacoAmerindio/article/view/100737. Acesso em: 7 fev. 2023.

Edição

Seção

DOSSIÊ