Cidadania cultural-comunicativa: uma nova performance das minorias na televisão?

Autores

  • Simone Maria Rocha

Palavras-chave:

Cidadania comunicativa. Cultura. Modo de endereçamento. Periferia. Televisão.

Resumo

O objetivo deste artigo é investigar como algumas produções televisivas viabilizam o exercício da “cidadania cultural-comunicativa”, ao possibilitar que atores sociais das minorias se apresentem tanto como cidadãos dignos de respeito quanto o reivindiquem, através de sua performance e do uso que fazem de sua cultura. Partimos das noções de cidadania, cultura e comunicação segundo duas acepções: “cidadania comunicativa” (Mata, 2006) e “cultura como recurso” (Yúdice, 2004). Analisamos um episódio do Minha Periferia – quadro veiculado no programa Fantástico, no qual a apresentadora aborda a produção cultural e os moradores da periferia. Metodologicamente propomos uma articulação entre gênero televisivo e modo de endereçamento para compreender como este programa apresenta esse tipo de cidadania e concluir pelo papel desempenhado pela televisão enquanto um cenário adequado para seu exercício.

 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2009-09-02

Como Citar

ROCHA, S. M. Cidadania cultural-comunicativa: uma nova performance das minorias na televisão?. Em Questão, Porto Alegre, v. 15, n. 1, p. 157–172, 2009. Disponível em: https://www.seer.ufrgs.br/index.php/EmQuestao/article/view/9146. Acesso em: 9 dez. 2022.

Edição

Seção

Artigos