A interdisciplinaridade como instrumento de ação comunicativa

Autores

  • Marco Donizete Paulino da Silva UFSCar
  • Luciana de Souza Gracioso Universidade Federal de São Carlos

DOI:

https://doi.org/10.19132/1808-5245242.188-209

Palavras-chave:

Interdisciplinaridade, Teoria da ação comunicativa, Método hermenêutico-dialético, Sujeito da Ação comunicativa, Mundo da vida.

Resumo

Parte-se da percepção da necessidade de uma consideração holística dos elementos epistemológicos envolvidos na construção do conhecimento no tempo contemporâneo, tendo como elementos-chave, tanto a exigência de uma conscientização cidadã do indivíduo quanto o uso de um instrumento que potencialize essa conscientização, ainda que se reconheça o caráter utópico desse projeto. O conceito de interdisciplinaridade (e seus múltiplos sentidos) foi entendido como recurso de aplicação recorrente no desenvolvimento e ampliação do conhecimento humano e científico. Da articulação dessas premissas, propôs-se a consideração do termo interdisciplinaridade como um instrumento-tecnologia de ação comunicativa, capaz de intermediar o mundo da vida e os sistemas sócio-institucionais, promovendo o encontro (ou resultando do encontro) de intersubjetividades de sujeitos atuantes nesses dois espaços. Objetivando-se verificar a pertinência dessa proposição, aplicou-se a análise hermenêutico-dialética sobre textos nacionais e internacionais que abordam o conceito de interdisciplinaridade na perspectiva de vários teóricos do campo da Filosofia e da Sociologia. As argumentações em torno desse tema se deram por meio dos seguintes conceitos-base, nas seguintes filiações: Ação Comunicativa, Racionalidade, e Pretensões de Validez, por Jürgen Habermas; e, de Interdisciplinaridade, em Leo Apostel et al. – com considerações de Japiassu e Alvarenga et al. Concluiu-se que o ambiente da esfera pública é, potencialmente, um espaço de construção interdisciplinar do conhecimento e que sua natureza conscientizadora poderia beneficiar a promoção mais abrangente da interdisciplinaridade em espaços diferenciados.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Marco Donizete Paulino da Silva, UFSCar

Possui graduação em Biblioteconomia e Ciência da Informação pela Universidade Federal de São Carlos (2010), mestrado no Programa de Pós Graduação em Ciência, Tecnologia e Sociedade da Universidade Federal de São Carlos (2013), colaborando no Grupo de Pesquisa de Estudos convergentes em Ciência da informação, Linguagem, Tecnologia e Educação, na linha de pesquisa de Estudos transversais em Informação, Tecnologia, Educação e Linguagem. Atualmente é doutorando no Programa de Pós Graduação em Ciência, Tecnologia e Sociedade da Universidade Federal de São Carlos

Luciana de Souza Gracioso, Universidade Federal de São Carlos

Possui graduação em Biblioteconomia e Documentação pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (1998); especialização em Uso estratégico da tecnologia em informação pela Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho (2000), mestrado em Ciência da Informação e Biblioteconomia pela Pontifícia Universidade Católica de Campinas (2002), doutorado em Ciência da Informação pelo Instituto Brasileiro de Informação em Ciência e Tecnologia e Universidade Federal Fluminense (2008). É Professora Associada no Departamento de Ciência da informação da UFSCar desde 2004. Foi Coordenadora do Programa de Pós-graduação em Ciência da informação - PPGCI (2016 - 2017), e Coordenadora de Curso de Graduação (2009-2014). Atua como docente permanente no PPGCI e no Programa de Pós Graduação em Ciência, Tecnologia e Sociedade (PPGCTS). É Associada a Information Society for Knowledge Organization (ISKO) e a Associação Nacional de Pós-Graduação em Ciência da Informação (ANCIB). Tutora do Programa de Educação Tutorial do Curso de Biblioteconomia e Ciência da informação PET/BCI (2013 - ). É coordenadora responsável pelo Termo Aditivo de Cooperação Internacional com a Universidade de Coimbra, pelo Departamento de Ciência da informação.Parecerista nos eventos ENANCIB, CBBD, SNBU, ISKO e de periódicos científicos nacionais e internacionais. Atua principalmente nos seguintes temas: Estudos da linguagem em Ciência da informação, Organização do conhecimento e Epistemologia da Ciência da informação.

Downloads

Publicado

2018-04-19

Como Citar

SILVA, M. D. P. da; GRACIOSO, L. de S. A interdisciplinaridade como instrumento de ação comunicativa. Em Questão, Porto Alegre, v. 24, n. 2, p. 188–209, 2018. DOI: 10.19132/1808-5245242.188-209. Disponível em: https://www.seer.ufrgs.br/index.php/EmQuestao/article/view/76331. Acesso em: 6 out. 2022.

Edição

Seção

Artigos