Análise do termo “Repositório Institucional” no Twitter: um estudo altmétrico

Autores

  • Vildeane da Rocha Borba Universidade Federal do Rio Grande do Sul
  • Andrea Carla Melo Marinho Universidade Federal do Rio Grande do Sul
  • Sonia Elisa Caregnato Universidade Federal do Rio Grande do Sul

DOI:

https://doi.org/10.19132/1808-5245230.290-308

Palavras-chave:

Altmetria. Métricas Alternativas. Comunicação científica. Repositório Institucional. Twitter.

Resumo

Apresenta uma análise altmétrica do termo “Repositório Institucional” no Twitter no período de 2009 a 2015. O estudo é de caráter qualiquantitativo, do tipo descritivo e utilizou a altmetria buscando-se auferir as postagens relacionadas ao termo, bem como realizar uma análise de conteúdo das mesmas, a fim de identificar as relações estabelecidas entre o termo e assuntos associados. Os resultados mostraram que as primeiras publicações sobre o termo Repositório Institucional em língua portuguesa no Twitter aparecem em 2009, sendo que a maior quantidade de tweets sobre o tema aconteceu em 2013. Destacou-se a prevalência da categoria “Citações sociais” e “Divulgação de Repositório Institucional”, que, na maioria das vezes, menciona a implantação de Repositórios. Nas postagens referentes às citações sociais destaca-se a menção a “Livros” e “Artigo de revista”, evidenciando o Repositório da UFBA, que disponibilizou o maior número de livros publicados pela Editora da Instituição. A hashtag mais encontrada foi #opendoar, que é o diretório oficial de repositórios acadêmicos de acesso a erto, desenvolvido pela Universidade de Nottingham, no Reino Unido. Por fim, consideram-se os estudos altmétricos como uma possibilidade de análise das relações entre as mídias sociais e a produção científica, bem como uma alternativa de divulgação e/ou compartilhamento dessas informações entre os pesquisadores e interessados.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Vildeane da Rocha Borba, Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Doutoranda em Comunicação e Informação da Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Andrea Carla Melo Marinho, Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Doutoranda em Comunicação e Informação da Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Sonia Elisa Caregnato, Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Professora Doutora do PPGCOM da Universidade Federal do Rio Grande do Sul

Downloads

Publicado

2017-01-27

Como Citar

BORBA, V. da R.; MARINHO, A. C. M.; CAREGNATO, S. E. Análise do termo “Repositório Institucional” no Twitter: um estudo altmétrico. Em Questão, Porto Alegre, v. 23, p. 290–308, 2017. DOI: 10.19132/1808-5245230.290-308. Disponível em: https://www.seer.ufrgs.br/index.php/EmQuestao/article/view/68086. Acesso em: 8 dez. 2022.

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)

1 2 > >>