Ciclo informacional: a informação e o processo de comunicação

Autores

  • Adriana Bogliolo Sirihal Duarte UFMG

Palavras-chave:

Ciência da Informação. Processo de comunicação. Epistemologia

Resumo

O presente artigo apresenta uma revisão de literatura na busca de uma definição apropriada para o conceito de informação ao ser considerada objeto de estudo da Ciência da Informação. Correlaciona autores da ciência da informação, da comunicação, da lingüística e da semiótica, traçando um percurso histórico, ilustrado através de diagramas, a partir da Teoria Matemática da Comunicação até as definições contemporâneas. Se, a princípio, a informação é apresentada como constituinte do processo de comunicação, com o desenrolar das teorias apresentadas, conclui-se que a informação, entendida como processo de atribuição de significado da realidade apreendida pelo ser humano, pode existir mesmo sem a intencionalidade do processo de comunicação. Nesse sentido, a informação é apresentada como integrante do processo que relaciona cultura global (objetiva) e cultura individual (subjetiva). Por fim, entende-se que o ciclo está completo quando a informação é convertida em conhecimento, capaz de promover desenvolvimento e de ser comunicada, gerando assim novos estoques de informação e retro-alimentando o ciclo.

 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Adriana Bogliolo Sirihal Duarte, UFMG

Professora adjunta do Departamento de Teorica e Gestão da Informação da Escola de Ciência da Informação da UFMG (DTGI/ECI/UFMG )

Downloads

Publicado

2009-09-02

Como Citar

SIRIHAL DUARTE, A. B. Ciclo informacional: a informação e o processo de comunicação. Em Questão, Porto Alegre, v. 15, n. 1, p. 57–72, 2009. Disponível em: https://www.seer.ufrgs.br/index.php/EmQuestao/article/view/6440. Acesso em: 17 ago. 2022.

Edição

Seção

Artigos

Artigos mais lidos pelo mesmo(s) autor(es)