Contribuições do Movimento Nós Podemos Paraná para a criação e compartilhamento de conhecimentos

Autores

  • Isabela Drago Universidade Federal do Paraná
  • Helena Fátima Nunes Silva UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ - UFPR
  • Karoline Aparecida Scroch Sato Universidade Federal do Paraná - UFPR

Palavras-chave:

Criação de Conhecimento. Compartilhamento de Conhecimento. Comunidades de Prática.

Resumo

Pesquisa descritiva sobre as contribuições do Movimento Nós Podemos Paraná para a criação e o compartilhamento de conhecimentos. Caracteriza, a partir de levantamento documental, a metodologia do Movimento e apresenta o papel e a importância de cada uma de suas estruturas: Núcleo Articulador, Círculo de Diálogo, Círculo de Conhecimento, Núcleo Local de Trabalho e Grupos de Projetos. Analisa os Círculos de Diálogo e os Círculos de Conhecimento, além da constituição e características dos Núcleos Locais de Trabalho, apontando as barreiras para o compartilhamento de conhecimentos e o potencial destes enquanto comunidade de prática. Conclui que o Núcleo estudado pode ser considerado uma comunidade de prática, na fase de Maturidade e os seus membros engajam-se, criam e desenvolvem projetos comuns, renovando os interesses, o comprometimento e o relacionamento e pelo resultado positivo de seus projetos é referência na região.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Isabela Drago, Universidade Federal do Paraná

Graduação em Gestão da Informação pela UFPR (2004), Especialização em Gestão do Conhecimento nas Organizações pela UTFPR (2007) e Mestrado em Ciência, Gestão e Tecnologia da Informação pela UFPR (2011), dissertação desenvolvida na linha de Gestão do Conhecimento. Atua como Gestora da Informação no Observatório Regional Base de Indicadores de Sustentabilidade (ORBIS), projeto apoiado pelo Serviço Social da Indústria (SESI PR); experiência em pesquisa, desenvolvimento de ontologias, elaboração de leituras municipais e relatórios técnicos, mapeamento do fluxo de informações de instituições públicas e privadas; proposta de políticas de acesso e de relacionamento entre as informações; definição de diretrizes para dinamizar fluxo informacional e identificação de necessidades informacionais. Tutora do curso a distância "Indicadores para avaliar e monitorar políticas, programas e projetos", do SESI PR.

Helena Fátima Nunes Silva, UNIVERSIDADE FEDERAL DO PARANÁ - UFPR

É bacharel em Biblioteconomia pela Universidade Federal de Santa Catarina (1978), mestre em Educação pela Universidade Federal do Paraná (1996) e doutora em Engenharia de Produção pela Universidade Federal de Santa Catarina (2004). Atua como professora dos cursos de Graduação em Gestão da Informação e de Mestrado em Ciência, Gestão e Tecnologia da Informação, da Universidade Federal do Paraná há 24 anos. Chefiou o Departamento de Ciência e Gestão da Informação UFPR por 8 anos. Atualmente, coordena o Curso de Graduação em Gestão da Informação.

Karoline Aparecida Scroch Sato, Universidade Federal do Paraná - UFPR

Mestre em Ciência, Gestão e Tecnologia da Informação pela Universidade Federal do Paraná (2010). Possui especialização em Gestão do Conhecimento nas Organizações pela Universidade Tecnológica Federal do Paraná. Possui graduação em Gestão da Informação pela Universidade Federal do Paraná (2006). Atuou com gestão de projetos na Federação das Indústrias do Estado do Paraná. Atualmente é assistente no Banco do Brasil na área de licitações. Tem experiência na área de pesquisa e monitoramento de informações.

Downloads

Publicado

2014-06-11

Como Citar

DRAGO, I.; NUNES SILVA, H. F.; SCROCH SATO, K. A. Contribuições do Movimento Nós Podemos Paraná para a criação e compartilhamento de conhecimentos. Em Questão, Porto Alegre, v. 20, n. 1, p. 165–188, 2014. Disponível em: https://www.seer.ufrgs.br/index.php/EmQuestao/article/view/41398. Acesso em: 9 dez. 2022.

Edição

Seção

Artigos