Representação produtiva dos programas de pós-graduação em Biblioteconomia e Ciência da Informação no Brasil: visibilidade nas bases de dados e aspectos do Currículo Lattes dos pesquisadores

Autores

  • Adilson Luiz Pinto universidade Federal de Mato Grosso
  • José Antonio Moreiro González

Palavras-chave:

Visibilidade científica. Currículo Lattes. Estudo bibliométrico. Biblioteconomia e Ciência da Informação - Brasil.

Resumo

Análise da produtividade dos principais autores brasileiros em Biblioteconomia e Ciência da Informação durante o período de 1995 até 2004, com o objetivo de averiguar o comportamento científico e visibilidade das revistas nas que os pesquisadores publicaram, e sua produção em meios de divulgação pouco convencionais como livros, capítulos de livros e atas de congressos. A metodologia consistiu em selecionar informação a partir das bases de dados SciELO, SSCI, Francis e LISA, junto a informação proveniente dos Currículos Lattes dos pesquisadores. Os dados obtidos foram formatados em txt, para depois exportá-los a uma base de dados e planilhas de dados. Em relação aos resultados, destacaram-se as universidades do sudeste brasileiro. As revistas mais buscadas foram Ciência da Informação, DataGramaZero, Transinformação e Perspectivas em Ciência da Informação; as atas de congresso preferidas foram Enancib e CBBD.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Downloads

Publicado

2010-12-20

Como Citar

PINTO, A. L.; MOREIRO GONZÁLEZ, J. A. Representação produtiva dos programas de pós-graduação em Biblioteconomia e Ciência da Informação no Brasil: visibilidade nas bases de dados e aspectos do Currículo Lattes dos pesquisadores. Em Questão, Porto Alegre, v. 16, n. 2, p. 15–32, 2010. Disponível em: https://www.seer.ufrgs.br/index.php/EmQuestao/article/view/16073. Acesso em: 30 jun. 2022.

Edição

Seção

Artigos

Artigos Semelhantes

Você também pode iniciar uma pesquisa avançada por similaridade para este artigo.