Avaliação da acurácia da informação em sites de saúde: Métodos para construção de indicadores baseados em evidência

Autores

  • Rodolfo Paolucci Fundação de Apoio à Escola Técnica do Estado do Rio de Janeiro (FAETEC) https://orcid.org/0000-0003-3986-1118
  • André de Faria Pereira neto Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz)
  • Paulo Nadanovsky Instituto de Medicina Social (IMS/UERJ) Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz)

DOI:

https://doi.org/10.19132/1808-5245274.137-188

Palavras-chave:

Medicina baseada em evidência, Internet e acesso à informação, /Critérios, Indicadores de acurácia, Informação de Saúde, Sites de Saúde

Resumo

O problema da qualidade da informação de saúde na Internet tem sido apontado nas últimas duas décadas. Para lidar com esse problema, a avaliação de sites realizada por profissionais, pesquisadores e instituições tem se configurado como um novo campo de pesquisa e ação. Uma das principais questões nesse campo está relacionada aos critérios de avaliação. Acurácia é o critério mais utilizado, mas identificamos um problema em sua definição e aplicação: admitir consenso entre especialista como parâmetro de qualidade. Entretanto, o consenso não garante um resultado atual e correto. Neste artigo, apresentamos e discutimos métodos orientados pela medicina baseada em evidência para construção de indicadores de acurácia. O conjunto de métodos desenvolvido compreende sete etapas: estratégia de busca, seleção da fonte de informação baseada em evidência, coleta e seleção de tópicos, desenvolvimento da primeira versão de indicadores, análises dos grupos, dos tópicos e dos indicadores. Nossos métodos garantem o desenvolvimento de indicadores de acordo com as melhores e atuais evidências científicas. Eles resolveram o problema do critério acurácia para o campo de avaliação da qualidade da informação em sites de saúde e viabilizaram a proposição de uma nova definição. Os resultados desta pesquisa preenchem lacunas no conhecimento do campo e orientam pesquisas e ações futuras, pois são replicáveis para qualquer assunto de saúde.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Rodolfo Paolucci, Fundação de Apoio à Escola Técnica do Estado do Rio de Janeiro (FAETEC)

Doutor e Mestre em Informação e Comunicação em Saúde no ICICT/FIOCRUZ. Recebeu o Prêmio Oswaldo Cruz de Teses 2020. Especialista em Tecnologias da Informação Aplicadas a Educação pela UFRJ e em Informação Científica e Tecnológica em Saúde pelo ICICT/FIOCRUZ. Cientista da Computação desde 2009, é professor de informática da FAETEC, na Escola Técnica Estadual Oscar Tenório, atuando em disciplinas relacionadas ao Desenvolvimento Web no curso de Informação para Internet. Tem experiência em projetos de software web e tecnologias aplicadas na educação. Colaborador no Laboratório Internet Saúde Sociedade (LAISS) do Centro de Saúde Escola Germano Sinval Faria da Escola Nacional de Saúde Pública (ENSP), Fundação Oswaldo Cruz.

André de Faria Pereira neto, Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz)

Possui graduação em História pela Pontifícia Universidade Católica do Rio de Janeiro (1982), Mestrado em História - Université de Paris III (Sorbonne-Nouvelle) (1985), Doutorado em Saúde Coletiva pela Universidade do Estado do Rio de Janeiro (1997) e Pós-Doutorado em Sociologia da Saúde pela Universidade da Califórnia, San Francisco (2006). Foi Pesquisador da Casa de Oswaldo Cruz, unidade da Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz) durante 20 anos. É Pesquisador Titular da Escola Nacional de Saúde Pública onde coordena o "Laboratório Internet, Saúde e Sociedade" (LAISS) vinculado ao Centro de Saúde Escola Germano Sinval de Faria (CSEGSF). É professor credenciado do Programa de Pós-Graduação em Informação e Comunicação em Saúde oferecido pelo Instituto de Comunicação e Informação Científica e Tecnológica em Saúde (ICICT), da Fundação Oswaldo Cruz. É pesquisador sênior-visitante do escritório da Fundação Oswaldo Cruz em Campo Grande, Mato Grosso do Sul. Desenvolve pesquisa sobre o impacto da internet na relação médico-paciente e sobre avaliação de qualidade de informação em sites de saúde. Acaba de disponibiliza no Google Play um aplicativo para atenção primária - Meu-Info-Saúde.

Paulo Nadanovsky, Instituto de Medicina Social (IMS/UERJ) Fundação Oswaldo Cruz (Fiocruz)

Pesquisador da Escola Nacional de Saúde Pública da FIOCRUZ e Professor Titular do Instituto de Medicina Social da UERJ. Tem Doutorado em Saúde Pública pela Universidade de Londres (1993) sob orientação de Aubrey Sheiham e Pós-Doutorado (2007-2009) em Psicologia Evolucionista na McMaster University, Canadá, em colaboração com Martin Daly e Margo Wilson. Possui graduação em Odontologia pela Universidade Federal Fluminense (1986). Tem experiência na área de Saúde Pública e Epidemiologia, atuando principalmente nos seguintes temas: revisão sistemática e meta-análise, medicina baseada em evidência, comunicação do risco, odontologia baseada em evidência, efetividade dos serviços de saúde. No início dos anos 2000 iniciou uma aproximação com a Teoria da Evolução (Darwinismo) aplicada ao comportamento humano. Dentre os temas específicos dessa linha de pesquisa estão incluídos: homicídio e impunidade, morte por batida de carro e moto, violência doméstica contra a criança.

Downloads

Publicado

2021-09-29

Como Citar

PAOLUCCI, R.; PEREIRA NETO, A. de F.; NADANOVSKY, P. Avaliação da acurácia da informação em sites de saúde: Métodos para construção de indicadores baseados em evidência. Em Questão, Porto Alegre, v. 27, n. 4, p. 137–188, 2021. DOI: 10.19132/1808-5245274.137-188. Disponível em: https://www.seer.ufrgs.br/index.php/EmQuestao/article/view/111321. Acesso em: 2 jul. 2022.

Edição

Seção

Artigos