Apropriação da memória pela Ciência da Informação e o papel legitimador das Instituições de Memória

Autores

DOI:

https://doi.org/10.19132/1808-5245282.109562

Palavras-chave:

Ciência da Informação, Instituições de Memória, Legitimação da memória

Resumo

Objetiva refletir acerca da aproximação/interdisciplinaridade/contribuições que o campo da memória coletiva possui para a Ciência da Informação. Para isso, buscamos compreender como se deu o processo de apropriação do conceito de memória na área da Ciência da Informação e como as Instituições de Memória colaboram no processo de legitimação da memória coletiva. Realiza uma pesquisa exploratória por meio de uma revisão bibliográfica, como procedimento metodológico para a construção deste estudo. Contextualiza o surgimento da memória no campo da Filosofia e demais áreas das Ciências Humanas. Considera que a memória surge a partir de um entendimento restrito e que, posteriormente, é apropriada pelas Ciências Sociais, que entendem a memória a partir de uma perspectiva ampla e coletiva. Apresenta indícios do processo de apropriação do conceito de memória pela Ciência da Informação e ressalta que, diante das múltiplas possibilidades de realizar trabalhos no campo da memória, está a de compreender a função social desempenhada pelas Instituições de Memória, consideradas espaços que exercem um papel relevante na manutenção das identidades sociais e na legitimação de suas memórias. Conclui que a memória, enquanto mecanismo de representação social, é indispensável para a formação social das identidades e que seu processo de consolidação na Ciência da Informação ainda se encontra em desenvolvimento.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Igor Oliveira Silva, Universidade Federal da Paraíba

Mestre em Ciência da Informação (UFPB)

Bacharel em História (UFRN)

Gracy Kelli Martins, Universidade Federal da Paraíba

Doutora pelo Programa de Pós-Graduação em Ciência da Informação da Universidade Estadual Paulista Júlio de Mesquita Filho Marília/SP. Professora adjunta no Curso de Biblioteconomia da Universidade Federal da Paraíba - PB; Professora Permanente no Programa de Pós-Graduação Mestrado Profissional em Biblioteconomia (UFCA) e no Programa de Pós-Graduação em Ciência da Informação (UFPB).

Downloads

Publicado

2022-02-23

Como Citar

SILVA, I. O.; MARTINS, G. K. Apropriação da memória pela Ciência da Informação e o papel legitimador das Instituições de Memória. Em Questão, Porto Alegre, v. 28, n. 2, p. 109562, 2022. DOI: 10.19132/1808-5245282.109562. Disponível em: https://www.seer.ufrgs.br/index.php/EmQuestao/article/view/109562. Acesso em: 18 ago. 2022.

Edição

Seção

Artigos