ANÁLISE DOS FATORES DETERMINANTES DO DESEMPENHO DAS EMPRESAS FAMILIARES BRASILEIRAS DE CAPITAL ABERTO LISTADAS NA BM&FBOVESPA DO SETOR DE CONSUMO CÍCLICO

Autores

  • Larissa Degenhart Universidade Regional de Blumenau - FURB
  • Mara Vogt Universidade Regional de Blumenau - FURB - SC
  • Itzhak David Simão Kaveski Universidade Federal de Santa Catarina - UFSC - SC
  • Odir Luis Fank FAI Faculdades de Itapiranga - SC
  • Jorge Eduardo Scarpin Universidade Federal do Paraná - UFPR

Palavras-chave:

Empresas familiares, Desempenho econômico-financeiro, Setor de consumo cíclico.

Resumo

Esta pesquisa objetiva analisar quais fatores determinam o desempenho das empresas familiares brasileiras de capital aberto listadas na BM&FBovespa pertencentes ao setor de consumo cíclico. O estudo caracteriza-se como descritivo, com análise documental em uma amostra de 32 empresas familiares classificadas no setor de consumo cíclico e com uma abordagem quantitativa. O período de estudo compreendeu os anos de 2008 a 2012. Os resultados apontam que a idade da empresa implica melhores desempenhos organizacionais, ou seja, as empresas familiares de consumo cíclico com um tempo de vida maior possuem desempenho organizacional positivo. Além disso, o tamanho da empresa implica nas empresas familiares do setor de consumo cíclico, pois estas tendem a ser mais eficientes no uso de seus ativos, apresentando uma relação positiva com o desempenho. A alavancagem apresentou-se como uma das principais características que levam as empresas a terem um alto desempenho organizacional. Por fim, o crescimento das empresas familiares de consumo cíclico representado pela variável Market to book implica em uma relação negativa com o desempenho operacional. 

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Larissa Degenhart, Universidade Regional de Blumenau - FURB

Graduada em Ciências Contábeis pela FAI Faculdades de Itapiranga - SC

Mestre em Ciências Contábeis pela Universidade Regional de Blumenau - FURB - SC

 Doutoranda em Ciências Contábeis e Administração pela Universidade Regional de Blumenau - FURB - SC

Mara Vogt, Universidade Regional de Blumenau - FURB - SC

Graduada em Ciências Contábeis pela FAI Faculdades de Itapiranga - SC

Mestre em Ciências Contábeis pela Universidade Regional de Blumenau - FURB - SC

 Doutoranda em Ciências Contábeis e Administração pela Universidade Regional de Blumenau - FURB - SC

Itzhak David Simão Kaveski, Universidade Federal de Santa Catarina - UFSC - SC

Mestre em Ciências Contábeis pela Universidade Regional de Blumenau - FURB - SC

Doutorando em Ciências Contábeis pela Universidade Federal de Santa Catarina - UFSC - SC

Odir Luis Fank, FAI Faculdades de Itapiranga - SC

Mestre em Ciências Contábeis pela Universidade Regional de Blumenau - FURB - SC

Coordenador e Professor do Curso de Ciências Contábeis da FAI Faculdades de Itapiranga - SC

 

Jorge Eduardo Scarpin, Universidade Federal do Paraná - UFPR

Mestre em Contabilidade e Controladoria pela Universidade Norte do Paraná.

Mestre em Engenharia de Produção pela Universidade Federal de Santa Catarina (UFSC).

Doutorado em Controladoria e Contabilidade pela Universidade de São Paulo (USP).

Atualmente é professor adjunto da Universidade Federal do Paraná (UFPR).

Downloads

Publicado

2017-03-04

Como Citar

DEGENHART, L.; VOGT, M.; KAVESKI, I. D. S.; FANK, O. L.; SCARPIN, J. E. ANÁLISE DOS FATORES DETERMINANTES DO DESEMPENHO DAS EMPRESAS FAMILIARES BRASILEIRAS DE CAPITAL ABERTO LISTADAS NA BM&FBOVESPA DO SETOR DE CONSUMO CÍCLICO. ConTexto - Contabilidade em Texto, Porto Alegre, v. 16, n. 33, p. 74–89, 2017. Disponível em: https://www.seer.ufrgs.br/index.php/ConTexto/article/view/62860. Acesso em: 25 set. 2022.

Edição

Seção

Artigos