O receio de ser igual em meio às diferenças: reflexões acerca do antagonismo existencial dos professores do ensino médio diante da inclusão escolar

Autores

DOI:

https://doi.org/10.22456/2595-4377.114021

Palavras-chave:

Inclusão escolar, Estudantes com deficiência, Antagonismo existencial

Resumo

Este trabalho objetivou observar o antagonismo existencial de professores do ensino médio da rede estadual de um município de Minas Gerais, em relação à educação inclusiva. Foram observados professores, lotados em 5 escolas da rede estadual, em um período de 4 anos (2016 – 2019), a partir do contato direto em espaços escolares informais, já que a autora atuou nessas escolas, em diferentes períodos. A partir de observações e memórias, foi organizada uma matriz observacional, que gerou documentação e registros, sendo possível identificar um deslocamento do antagonismo dos professores em relação à inclusão escolar, que passou da completa resistência inicial, aos sentimentos de ansiedade e angústia. Pôde-se observar a empatia que os professores desenvolveram pelos alunos ao longo do tempo, o que corroborou ao desenvolvimento de sentimentos de angústia e de impotência. Em relação às expectativas docentes, as mesmas estão colocadas sob a necessidade de formação continuada. Assim, uma das opções para dirimir o antagonismo existencial dos professores é o fortalecimento da identidade e da formação docente, de forma a proporcionar suporte às práticas pedagógicas. Sem ter pretensão de ser conclusivo, observou-se que inclusão escolar não trata de cumprir legislação, mas de respeitar as particularidades dos sujeitos envolvidos no processo.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Cláudia Terra do Nascimento Paz, IFSC, Campus Tubarão

Pedagoga, Psicopedagoga, Educadora especial, Doutora em Educação, na linha de Psicopedagogia e processos de enisno-aprendizagem pela UFRGS. Docente efetiva do IFSC, Campus Tubarão.

Yara da Rocha Cruz, Escola Estadual Frei Leopoldo Castelnuovo, Uberaba, MG

Graduação em Ciências Sociais. Licenciatura e Bacharelado pelo Centro de Ensino Superior de Uberaba CESUBE. Pós-graduada em Educação de Jovens e Adultos (IFTM). Teoria Psicanalítica (UNIUBE) e Especialização em Educação Profissional e Tecnológica Inclusiva (IFTM).

Downloads

Publicado

2021-09-28

Como Citar

PAZ, C. T. do N.; CRUZ, Y. da R. O receio de ser igual em meio às diferenças: reflexões acerca do antagonismo existencial dos professores do ensino médio diante da inclusão escolar. Cadernos do Aplicação, Porto Alegre, v. 34, n. 2, 2021. DOI: 10.22456/2595-4377.114021. Disponível em: https://www.seer.ufrgs.br/index.php/CadernosdoAplicacao/article/view/114021. Acesso em: 30 nov. 2022.