Processos de inclusão/exclusão: percepções sobre a Educação Física escolar na educação infantil

Autores

DOI:

https://doi.org/10.22456/2595-4377.110542

Palavras-chave:

Educação Física escolar, Processos de Inclusão/Exclusão, Educação infantil

Resumo

O estudo tem como objetivo analisar as situações de ensino e seus processos de inclusão/exclusão observados nas aulas de Educação Física na educação infantil numa escola pública na periferia da cidade do Rio de Janeiro. Apoiamo-nos num conceito de inclusão processual, dialético e infindável (SAWAIA, 2017; BOOTH e AINSCOW, 2011; SANTOS, FONSECA e MELO, 2009), considerando amplamente todas as singularidades humanas. É um estudo de caso, com abordagem qualitativa, cujos participantes pesquisados foram a professora de Educação Física e os 60 estudantes de turmas de Pré Escolar I e II. Cinco categorias (competição, gênero, relações étnico-raciais, violência e não participação) emergiram após a observação das aulas, evidenciando que situações excludentes precisam ser problematizadas para que os estudantes entendam o sentido da sua participação e a importância da construção da sua identidade como cidadão protagonista, desde a educação infantil. O ambiente escolar precisa ser um lugar acolhedor e inclusivo, onde as/os estudantes tenham suas diferenças reconhecidas e valorizadas, sejam elas de gênero, classe social, religiosidade, relações étnico raciais, deficiência, entre outras.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Michele Pereira de Souza da Fonseca, Universidade Federal do Rio de Janeiro

Doutora em Educação (PPGE/UFRJ), Mestre em Educação (PPGE/UFRJ), Licenciada em Educação Física (EEFD/UFRJ). Professora adjunta 4 da Escola de Educação Física e Desportos da Universidade Federal do Rio de Janeiro (EEFD-UFRJ). Coordenadora de Extensão da EEFD-UFRJ. Fundadora e Coordenadora do LEPIDEFE - Laboratório de Estudos e Pesquisas sobre Inclusão e Diferenças na Educação Física Escolar (EEFD-UFRJ). Coordenadora da Pós-Graduação gratuita em Educação Física Escolar na Perspectiva Inclusiva (UFRJ). Membro do Comitê Científico GTT Inclusão e Diferenças do Colégio Brasileiro de Ciências do Esporte (CBCE). Tem experiência na área de Educação Física escolar, formação docente e inclusão em educação.

Luiza Fagundes Cardozo, Universidade Federal do Rio de Janeiro

Professora de Educação Física na Educação Básica. Licenciada em Educação Física pela Universidade Federal do Rio de Janeiro/Escola de Educação Física e Desporto (UFRJ/EEFD). Graduanda em Educação Física (Bacharelado) pela UFRJ/EEFD. Graduanda em Pedagogia pelo Centro Universitário UNIFACVEST. Pós-graduada (Lato Sensu/Especialização) em Educação Física Escolar na Perspectiva Inclusiva (PGEFEPI) pela UFRJ/EEFD. Integrante do Laboratório de Estudos e Pesquisas sobre Inclusão e Diferenças na Educação Física Escolar (LEPIDEFE) vinculado a EEFD/UFRJ. 

Downloads

Publicado

2021-09-23

Como Citar

PEREIRA DE SOUZA DA FONSECA, M.; FAGUNDES CARDOZO, L. Processos de inclusão/exclusão: percepções sobre a Educação Física escolar na educação infantil. Cadernos do Aplicação, Porto Alegre, v. 34, n. 2, 2021. DOI: 10.22456/2595-4377.110542. Disponível em: https://www.seer.ufrgs.br/index.php/CadernosdoAplicacao/article/view/110542. Acesso em: 9 dez. 2022.