O XIV Congresso Internacional dos P. E. N. Clubes (1936): intelectuais, cultura e política no entre guerras

Mateus Américo Gaiotto

Resumo


O artigo analisa os debates políticos ocorridos no XIV° Congresso Internacional dos P.E.N. Clubes, organizado pelo centro argentino da associação na cidade de Buenos Aires, no ano de 1936, com o objetivo de mostrar o impasse entre cultura e política vivido pelo grupo intelectual, representado no microcosmo do congresso em questão, frente aos professados ideais apolíticos do PEN. Evidencia-se, dessa forma, as contradições internas que precisavam ser equalizadas pelos membros do PEN, principalmente, no que respeitava às relações entre a intelectualidade e o engajamento político, vínculo ora desestimulado, ora incontornável. As distintas posições nesse debate se explicam através dos efeitos da experiência traumática do pós-guerra, bem como, com base nas trajetórias individuais dos pensadores que se entregaram a essas discussões.


Palavras-chave


P.E.N. Clube; XIV Congresso Internacional dos P.E.N. Clubes; Intelectuais

Texto completo:

PDF