Dentre fronteiras: a coca, o crime e a História na Bolívia

Flávio Conche Nascimento

Resumo


Este artigo faz aproximações metodológicas acerca dos estudos de História e crime. Tais aproximações são feitas sob a forma de sugestões, notadamente mais convidativas do que conclusivas, atinentes à historiografia e história da coca na Bolívia. Para tanto, destaca-se a ideia de fronteira, elencada em seus significados amplos, a fim de demonstrar como são as fronteiras categóricas da planta, as representações políticas e culturais da coca, aquilo que enxergamos de antemão quando observamos o assunto. Trata-se de um artigo feito por brasileiro e para público em sua maioria do Brasil, observação fundamental para compreender as sugestões feitas. Por fim, nesta abordagem da coca “dentre fronteiras”, apresentam-se possibilidades de interpretar como a preocupação “internacional” do mercado da pasta base de cocaína constitui também os imaginários bolivianos.  


Palavras-chave


História; história da coca; Bolívia.

Texto completo:

PDF