Planejamento da safra de soja no Oeste do Paraná

Murilo Gattás Arthus, Juliane Andressa Camatti, Wagner Bortoletto, Orestes Ferrari Junior, Paulo Sérgio de Arruda Ignácio

Resumo


A soja é o grão mais produzido no Brasil e tem dado ao país o título de maior exportador desta commodity. A pouca quantidade de produto disponível internamente e a alta do dólar tem elevado o preço da soja a valores recorde, com impacto na área de cultivo, que vem aumentando com o passar dos anos. Este artigo tem o objetivo de aplicar modelos de previsão de demanda para o cenário de rendimento de soja no Oeste do Paraná e discutir os resultados sobre os erros de cada modelo comparado. Foram coletados dados referentes ao rendimento de soja por hectare no Oeste do Paraná, entre os anos de 1980 e 2014. Foram feitos quatro testes de hipóteses com os dados para escolher os modelos de previsão mais adequados para comparação. Os resultados apontaram um modelo de previsão adequado para previsão de rendimento de soja no curto prazo, que pode servir de base para o planejamento dos produtores rurais.

Palavras-chave


Soja, Previsão de demanda, Séries temporais

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.22456/1983-8026.66222