A ilha da felicidade pelas lentes de Karl Marx

Annateresa Fabris

Resumo


Em 1949, o artista valenciano Josep Renau inicia a série de fotomontagens The american way of life, que só considerará terminada em 1976. Lançando mão de imagens provenientes da publicidade, de revistas ilustradas (Life, Fortune) e de jornais (The New York Times), Renau denuncia o aspecto hipócrita e autocomplacente de construções ideológicas que acobertavam os lados sombrios de um modo de vida que estava conquistando o mundo todo. O fato de a série ter sido concebida durante o exílio mexicano e ter sido finalizada em Berlim Oriental leva a indagar não apenas seus modos de produção, mas também a determinar as diferenças que ela apresenta em relação ao trabalho que o artista havia realizado na Espanha até 1939.

Palavras-chave


Fotomontagem; publicidade; fotojornalismo; meios de comunicação de massa; apropriação.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.22456/2179-8001.23322

Direitos autorais 2011 Annateresa Fabris

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial-CompartilhaIgual 4.0 Internacional.

PORTO ARTE: e-ISSN 2179-8001


INDEXADORES

PROPESQ

"

LATINDEX

Resultado de imagem para redib logo