NOVAS DINÂMICAS DE LAZER: AS FÁBRICAS DE CERVEJA NO RIO DE JANEIRO DO SÉCULO XIX (1856-1884)

Victor Andrade Melo, Thaina Schwan Karls

Resumo


No Rio de Janeiro de meados do século XIX, percebe-se uma maior estruturação de um mercado de entretenimentos, relacionado, inclusive, à conformação de uma sociedade civil que se diversificava socioeconomicamente. Tendo em conta ampliar o olhar sobre essa dinâmica social, este estudo tem por objetivo discutir a experiência de um tipo de estabelecimento que articulava as “artes industriais” com a oferta de alternativas de diversão: fábricas de cerveja localizadas na região central da capital. Trata-se fundamentalmente de uma abordagem histórica da cidade a partir de um de seus divertimentos.

 


Palavras-chave


Atividade de lazer. Brasil. Indústria cervejeira.

Texto completo:

PDF-POR


DOI: https://doi.org/10.22456/1982-8918.69803

Direitos autorais 2018 Movimento (ESEFID/UFRGS)




Movimento

Escola de Educação Física, Fisioterapia e Dança | Universidade Federal do Rio Grande do Sul | UFRGS
Endereço: Rua Felizardo, 750, Jardim Botânico, Porto Alegre, Rio Grande do Sul, Brasil, CEP 90690-200
E-mail: movimento@ufrgs.br
 

Bases de Dados Indexadoras

 

                            

 

Apoio

 

        

 

Licença de cópias e declaração de boas práticas de avaliação

 

 Licença Creative CommonsSan Francisco Declaration on Research Assessment