A EDUCAÇÃO FÍSICA NA FORMAÇÃO DE PROFESSORES NORMALISTAS (1897-1921)

Tony Honorato

Resumo


A partir da pesquisa referente à Escola Complementar e Normal de Piracicaba/SP, a proposição é compreender a presença da Educação Física na formação de professores (1897-1921). Como fontes históricas têm-se os dispositivos legais, os manuscritos de diretores escolares, a Revista de Educação e anuários de ensino. Os resultados indicam que a idealizada educação integral do homem foi processual e estruturalmente lenta nas escolas modelares do Estado de São Paulo no período da primeira República.

 

 


Palavras-chave


História. Ginástica. Docentes. Educação.

Texto completo:

PDF-POR PDF-ENG (English)


DOI: https://doi.org/10.22456/1982-8918.51009

Direitos autorais



 

 


Movimento
Escola de Educação Física, Fisioterapia e Dança | Universidade Federal do Rio Grande do Sul | UFRGS
Endereço: Rua Felizardo, 750, Jardim Botânico, Porto Alegre, Rio Grande do Sul, Brasil, CEP 90690-200
E-mail: movimento@ufrgs.br
 

Bases de Dados Indexadoras

 

                            

 

Apoio

 

        

 

Licença de cópias e declaração de boas práticas de avaliação

 

 Licença Creative CommonsSan Francisco Declaration on Research Assessment