EDUCAÇÃO FÍSICA ESCOLAR EM BRASÍLIA, NA DÉCADA DE 1960

Ingrid Dittrich Wiggers

Resumo


A pesquisa teve como objetivo analisar atividades de educação física presentes no currículo original da Escola-Parque de Brasília, na década de 1960. Utilizamos como referência teórico-metodológica a história cultural, enfocando o tratamento de fontes primárias, como fotografias, documentos oficiais, entrevistas e publicações da época. As fontes evidenciaram que a educação física se realizava na forma de recreação, esportes, competições, desfiles e aulas, ocupando lugar de destaque na cultura escolar analisada. As atividades de educação física faziam parte de um projeto educacional inovador, cuja concepção pedagógica, currículo ampliado, turno integral e arquitetura especial valorizavam uma educação do corpo.


Palavras-chave


Educação Física; Educação; História; Fotografia

Texto completo:

PDF-BR


DOI: https://doi.org/10.22456/1982-8918.16115

Direitos autorais




Movimento

Escola de Educação Física, Fisioterapia e Dança | Universidade Federal do Rio Grande do Sul | UFRGS
Endereço: Rua Felizardo, 750, Jardim Botânico, Porto Alegre, Rio Grande do Sul, Brasil, CEP 90690-200
E-mail: movimento@ufrgs.br
 

Bases de Dados Indexadoras

 

                            

 

Apoio

 

        

 

Licença de cópias e declaração de boas práticas de avaliação

 

 Licença Creative CommonsSan Francisco Declaration on Research Assessment