NÍVEL DE EVIDENCIAÇÃO DAS EMPRESAS DO SETOR DE PETRÓLEO, GÁS E BIOCOMBUSTÍVEIS BRASILEIRAS LISTADAS NA BOLSA DE VALORES DO BRASIL (B3) A LUZ DA TEORIA DA DIVULGAÇÃO

Nathasha Gonçalves Goulart de Oliveira, Fabíola Graciele Besen, Valdir Serafim Junior

Resumo


O objetivo do estudo é identificar o nível de evidenciação ambiental das empresas do setor de petróleo, gás e biocombustíveis brasileiras listadas na Bolsa de valores B3 no período de quatro anos, 2015 a 2018, além de contribuir para a análise da evolução da evidenciação ambiental. A pesquisa se classifica como bibliográfica e descritiva, utiliza-se o método dedutivo com abordagem quantitativa, aplicando a análise documental. A pesquisa tem como amostra 10 empresas do setor de Petróleo Gás e Biocombustíveis listadas na B3.  Para isso, utilizou-se o estudo base de Beuren et al (2013), utilizando um checklist norteado pela NBC T 15, que gerou uma pontuação e consequentemente a classificação conforme seu nível de evidenciação. A pesquisa aponta que os relatórios emitidos pelas organizações não estão adequados às recomendações da NBC T 15 pois de toda a amostra, apenas 30% dela pode ser classificada com um nível Bom de evidenciação no decorrer do período analisado.


Palavras-chave


NBC T 15, Disclosure, contabilidade ambiental.

Texto completo:

PDF


 
 
.........................................................................................................................................................................................................................

Indexadores

  PROPESQ   PROPESQ    PROPESQ 

  PROPESQ  PROPESQ     PROPESQ

Spell  

 
.........................................................................................................................................................................................................................

ConTexto - Revista do Programa de Pós-Graduação em Controladoria e Contabilidade da UFRGS - E-ISSN: 2175-8751

         UFRGS