RELAÇÃO ENTRE ESTRUTURA DE CUSTOS E DESPESAS COM O DESEMPENHO: ESTUDO EM HOSPITAIS DE NORTE A SUL DO BRASIL

Kelly Cristina Mucio Marques, Joyce Menezes da Fonseca Tonin, Kátia Abbas, Mauri Leoncine

Resumo


Os objetivos deste estudo foram identificar a estrutura de custos e despesas de hospitais brasileiros e analisar a associação entre a proporção de custos e despesas fixas com o desempenho dos mesmos. Para tanto, por meio de uma pesquisa descritiva, quantitativa e de levantamento, foram avaliados os dados referentes a 21 hospitais caracterizados como privados e filantrópicos, localizados nas regiões norte, sul, sudeste e centro oeste do país. Para a análise dos dados, coletados nos relatórios gerenciais de custos dos hospitais, foi utilizada a estatística descritiva por meio de análise das médias e gráficos de dispersão. Para verificar a significância dos achados foi utilizado o teste não paramétrico qui quadrado (c2). Os resultados mostraram que devido à maior proporção de custos fixos, os hospitais da amostra, em sua maioria, apresentam maior alavancagem, de modo que uma pequena mudança no volume de receita líquida resulta em grande variação do lucro. Quanto aos índices de desempenho, pode-se verificar que, em média, os hospitais da amostra apresentaram resultados próximos de zero, ficando a margem operacional com 0,05, o retorno sobre o ativo com 0,01 e o retorno sobre o patrimônio líquido com 0,04. Na separação dos hospitais entre os que possuem custos e despesas fixos abaixo da média e acima da média, os achados mostraram que quanto maior os custos e despesas fixas maior a margem operacional, o retorno sobre o ativo permanece o mesmo e o retorno sobre o patrimônio líquido diminui. No entanto, não foi encontrada nenhuma associação estatisticamente significante. 


Palavras-chave


Custos e despesas; Desempenho econômico-financeiro; Hospitais

Texto completo:

PDF


 
 
.........................................................................................................................................................................................................................

Indexadores

  PROPESQ   PROPESQ    PROPESQ 

  PROPESQ  PROPESQ     PROPESQ

Spell  

 
.........................................................................................................................................................................................................................

ConTexto - Revista do Programa de Pós-Graduação em Controladoria e Contabilidade da UFRGS - E-ISSN: 2175-8751

         UFRGS