CUSTEIO-META E ENGENHARIA DE VALOR: ANÁLISE DA PERCEPÇÃO DE EMPRESAS DO SETOR METALÚRGICO DO ESTADO DE SANTA CATARINA

Débora Gomes Machado, Marlene Fiorentin, Jorge Eduardo Scarpin

Resumo


É relevante para a empresa buscar melhorias nos processos internos e manter os custos devidamente controlados. A análise e engenharia de valor contribuem para o atendimento dos objetivos de redução de custos. Desse modo, este estudo buscou identificar a percepção das empresas do setor metalúrgico do estado de Santa Catarina sobre o custo-meta e a engenharia de valor, por meio de uma survey descritiva com abordagem qualitativa. O instrumento de coleta de dados utilizado foi um questionário, enviado eletronicamente para as 65 empresas metalúrgicas, de médio e grande porte, associadas à Federação das Indústrias do Estado de Santa Catarina (Fiesc). Obteve-se o retorno dos questionários de apenas 15 empresas, com isso não foi possível extrapolar os resultados para as demais empresas do estado. Pelas características apresentadas, foi possível inferir que as empresas estudadas possuem percepção acerca do custeio-meta e da engenharia de valor e, ainda, que utilizam essas ferramentas, mesmo que parcialmente. É importante salientar que a gestão de custos e a gestão de preço de venda não podem ser efetuadas isoladamente e que o custo-meta explica parte dessas relações entre a gestão de custos e a gestão do preço de venda, pois pertence à gestão de custos e direciona ações que objetivam conquistar determinado mercado com estratégias que incluem a gestão do preço de venda.


Palavras-chave


Custeio-meta; Engenharia de valor; Indústrias metalúrgicas

Texto completo:

PDF


 
 
.........................................................................................................................................................................................................................

Indexadores

  PROPESQ   PROPESQ    PROPESQ 

  PROPESQ  PROPESQ     PROPESQ

Spell  

 
.........................................................................................................................................................................................................................

ConTexto - Revista do Programa de Pós-Graduação em Controladoria e Contabilidade da UFRGS - E-ISSN: 2175-8751

         UFRGS