“Começa tudo a movimentar-se”: transposição didática, ensino de Química e tecnologia

Marcelo Prado Amaral Rosa, Francisco Catelli, Roniere dos Santos Fenner

Resumo


Resumo: As mudanças sociais provocadas pela inserção das tecnologias digitais disponíveis no mercado tornam importantes discussões relativas à inserção dos recursos tecnológicos na educação, instituindo como proveitosos horizontes de diálogos para áreas que tratam sobre as práticas docentes. Dessa forma, o ponto nevrálgico deste ensaio foi à teoria da transposição didática de Yves Chevallard e suas aproximações do ensino de Química mediado por tecnologias. Ainda, foram abordadas, algumas possibilidades ofertadas pelas tecnologias digitais direcionadas a potencializar o ensino de Química. Por fim, apresentam-se as reflexões e os encadeamentos pertinentes as discussões abordadas ao longo da escrita.

Palavras-chave: transposição didática; ensino de Química; tecnologia.


Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.22456/2595-4377.40439

Direitos autorais 2012

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição-NãoComercial 4.0 Internacional.

ISSN 0103-6041
ISSN 2595-4377 (online)


Indexadores

Apoio e fomento