A construção de um projeto de educação antirracista na educação infantil em uma EMEF: relatos de experiências e primeiros movimentos

Autores

DOI:

https://doi.org/10.22456/2595-4377.106516

Palavras-chave:

Educação Infantil, Educação Antirracista, Racismo, Projeto Pedagógico,

Resumo

Este trabalho apresenta o relato do processo de construção de um projeto de educação antirracista na educação infantil e explicita a necessidade do mesmo, através de relatos de experiência de situações racistas vivenciadas no espaço escolar. O projeto tem por objetivo implementar, de maneira efetiva e contínua, a educação antirracista a partir da educação infantil em uma Escola Municipal de Ensino Fundamental (EMEF) da Rede Municipal de Ensino da cidade de Porto Alegre (RMEPOA) no bairro Restinga e se ampara na lei 11.645/08. Iniciamos com algumas práticas a partir da metade do ano de 2020, tais como a contação de histórias com protagonistas negros, a divulgação de um painel elaborado pelo grupo intitulado Tornando-se antirracista, entre outros, pelas quais buscamos iniciar o despertar das crianças e das famílias para a temática do racismo. Procuramos assim nos desconstruir e reconstruir como professoras e pessoas antirracistas para informar e transformar através da educação.

Downloads

Não há dados estatísticos.

Biografia do Autor

Alexandra da Silva Padilha, Prefeitura Municipal de Porto Alegre

Licenciada em Pedagogia pela UFRGS

Especialista em Educação Infantil

Professora da Rede Municipal de Ensino de Porto Alegre/RS

Jacqueline Zilberstein, Prefeitura Municipal de Porto Alegre

Mestra pelo Programa de Pós-Graduação em Ciências do Movimento Humano da UFRGS

Licenciada e Bacharela em Educação Física pela UFRGS

Professora da Rede Municipal de Ensino de Porto Alegre/RS

Downloads

Publicado

2020-12-30