UMA COMPARAÇÃO DO PODER PREDITIVO DE DIFERENTES VARIÁVEIS PARA PERÍODOS DE RECESSÃO DA ECONOMIA BRASILEIRA

Vitor Fernandes Cavalcante, Heleno Piazentini Vieira

Resumo


Este trabalho busca comparar o poder preditivo de diferentes variáveis nas
recessões datadas para a economia brasileira no período de 1997 a 2017. O modelo
econométrico utilizado é um probit simples que fornece a probabilidade de a economia brasileira entrar em recessão de um a oito trimestres à frente. Com isso, é possível
construir o pseudo R2, o qual permite comparar a performance de diferentes variáveis
para cada horizonte de previsão. Dentre os resultados encontrados, destacam-se, para
previsões de curto prazo, a utilização de variáveis que captam a situação fiscal do país,
o índice de preços internacional das commodities e variáveis financeiras, como o retorno do índice Ibovespa e o risco-país. Entretanto, o trabalho identifica um gap na
literatura referente a variáveis que possam prever recessões para horizontes de tempo
mais distantes.

Palavras-chave


Pseudo R2; Recessão; Brasil; Probit

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.22456/2176-5456.83816

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

 
.........................................................................................................................................................................................................................

Indexadores


 PROPESQ  PROPESQ PROPESQ   PROPESQ      PERIÓDICOS UFRGS


 
.........................................................................................................................................................................................................................

Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Faculdade de Ciências Econômicas
Revista Análise Econômica
ISSN 0102-9924 / e-ISSN 2176-5456