CICLOS DE NEGÓCIOS E POLÍTICAS ECONÔMICAS: UMA ANÁLISE DA INDÚSTRIA DO RIO GRANDE DO SUL

Lívia Carolina Machado Melo, Fabio Augusto Reis Gomes

Resumo


Este trabalho tem como objetivo estimar os ciclos econômicos da indústria
do Rio Grande do Sul e analisar como políticas econômicas afetam tais ciclos. Para
tanto, os ciclos da produção industrial mensal, de janeiro de 2002 a dezembro de
2016, são estimados por meio de modelos autorregressivos com mudança de regime
de Markov. A especificação selecionada possui quatro defasagens e dois regimes – expansão
e recessão – e indica que o Rio Grande do Sul apresenta períodos mais longos
de recessão do que de expansão. Estimadas as probabilidades de a indústria estar em
recessão em cada mês da amostra, confrontam-se tais informações com variáveis que
representam as políticas monetária e fiscal, além da evolução do câmbio. Há evidência
de que o aumento do gasto do governo federal está correlacionado com a melhora do
desempenho da indústria gaúcha.

 


Palavras-chave


Ciclos Econômicos; Políticas Econômicas; Modelo de Mudança de Regime Markoviano; Rio Grande do Sul

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.22456/2176-5456.76567

Licença Creative Commons
Este obra está licenciado com uma Licença Creative Commons Atribuição 4.0 Internacional.

 
.........................................................................................................................................................................................................................

Indexadores


 PROPESQ  PROPESQ PROPESQ   PROPESQ      PERIÓDICOS UFRGS


 
.........................................................................................................................................................................................................................

Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Faculdade de Ciências Econômicas
Revista Análise Econômica
ISSN 0102-9924 / e-ISSN 2176-5456