CHOQUES NOS PREÇOS DOS ATIVOS E A DINÂMICA DAS DECISÕES DE POLÍTICA MACROECONÔMICA: UMA ANÁLISE DA RESPOSTA FISCAL E MONETÁRIA A UMA BOLHA HABITACIONAL

Cássio Nóbrega Besarria

Resumo


O objetivo deste artigo é investigar os indícios de bolhas racionais nos preços das habitações e analisar os efeitos dos choques nos preços desses ativos nos instrumentos de política monetária e fiscal. A discussão sobre bolhas se limita à análise dos preços das habitações e seus dividendos por meio de testes de cointegração linear e com quebra estrutural. Os resultados sugerem que há indícios de bolhas no mercado habitacional brasileiro. A discussão subsequente avalia os efeitos desse choque no comportamento das séries da inflação, PIB real, consumo das famílias, taxa Selic, receita e despesa governamental, mercado de trabalho e financiamento habitacional, por meio do modelo de vetores autorregressivos. Em suma, observa-se que a bolha estimula a atividade fiscal em um comportamento pró-cíclico. Por outro lado, se verifica que a política monetária, buscando estabilizar a inflação e o produto, tem levado em consideração os possíveis efeitos desestabilizadores causados pela bolha.


Palavras-chave


Bolhas racionais; Política monetária; Política fiscal; SVAR

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.22456/2176-5456.53405



 
.........................................................................................................................................................................................................................

Indexadores


 PROPESQ  PROPESQ PROPESQ   PROPESQ      PERIÓDICOS UFRGS


 
.........................................................................................................................................................................................................................

Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Faculdade de Ciências Econômicas
Revista Análise Econômica
ISSN 0102-9924 / e-ISSN 2176-5456