IMPACTOS DE INDICADORES DE FRONTEIRA E DE COMPETITIVIDADE INTERNA NO COMÉRCIO BRASILEIRO DE FUMO

Fernanda Aparecida Silva, Carlos Otávio de Freitas, Marcelo José Braga, Marília Fernandes Maciel Gomes, Fillipe M. Euclydes

Resumo


O presente trabalho tem por objetivo mensurar o impacto dos indicadores de fronteira e de competitividade interna sobre o comércio internacional de fumo. A pesquisa tem como embasamentos teóricos a teoria do comércio internacional, com ênfase em medidas de facilitação de comércio, e a teoria do modelo gravitacional. O método utilizado na estimação foi o modelo Poisson Pseudo Maximum Likelihood (PPML). Na análise, foram considerados 78 países importadores de fumo brasileiro, no período de 2006 a 2012. Os resultados mostraram que os indicadores de facilitação de comércio afetaram o comércio internacional de fumo brasileiro, com destaque para o número de documentos exigidos para importar e a eficiência nas políticas do governo, que foram estatisticamente significativas e com sinal esperado. No mais, os resultados para a distância, as notificações aos acordos TBT, as tarifas e PIB dos países importadores foram condizentes com estudos encontrados na literatura. Conclui-se que o comércio internacional de fumo brasileiro é afetado tanto por procedimentos de fronteira quanto por indicadores de competitividade interna.


Palavras-chave


Fumicultura; Facilitação de comércio; Modelo gravitacional; PPML

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.22456/2176-5456.44122



 
.........................................................................................................................................................................................................................

Indexadores


 PROPESQ  PROPESQ PROPESQ   PROPESQ      PERIÓDICOS UFRGS


 
.........................................................................................................................................................................................................................

Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Faculdade de Ciências Econômicas
Revista Análise Econômica
ISSN 0102-9924 / e-ISSN 2176-5456