A INTERNACIONALIZAÇÃO DO SISTEMA FINANCEIRO: 1990-1992

Lauro Lobo Burle

Resumo


Este artigo analisa os fatores da Internacionalização dos sistema financeiro nacional, enfatizando-se as mudanças institucionais da década de 60, o endividamento externo das décadas de 70 e 80, a reforma bancária de 1988 e a abertura da economia posterior a março de 1990, O texto procura mostrar o papel e o ajuste dos bancos estrangeiros em 1990/1992 e, por outro lado, a atuação dos bancos brasileiros no exterior nesse período. O artigo conclui que os bancos estrangeiros contribuem para manter o perfil concentrado da renda interna e que a participação externa dos bancos nacionais é fundamental para a soberania interna.

Palavras-chave


Sistema financeiro nacional. Abertura econômica. Ajuste dos bancos nacionais e estrangeiros.

Texto completo:

PDF


DOI: https://doi.org/10.22456/2176-5456.10515



 
.........................................................................................................................................................................................................................

Indexadores


 PROPESQ  PROPESQ PROPESQ   PROPESQ      PERIÓDICOS UFRGS


 
.........................................................................................................................................................................................................................

Universidade Federal do Rio Grande do Sul
Faculdade de Ciências Econômicas
Revista Análise Econômica
ISSN 0102-9924 / e-ISSN 2176-5456